Publicidade
Esportes | Inter Colorado

Duelo com o Boca Juniors pode ser 'chave da virada' para o Inter

Thiago Galhardo aposta em um bom resultado em casa, na noite desta quarta-feira, pela Libertadores, para o Inter iniciar a recuperação na temporada

Publicado em: 01.12.2020 às 19:53 Última atualização: 01.12.2020 às 20:12

Thiago Galhardo aposta na recuperação da equipe Foto: Ricardo Duarte/Inter
Que o momento do Inter é complicado, todos sabem. Já são seis rodadas sem vencer no Brasileirão. Na Libertadores, o time se classificou às oitavas de final com duas derrotas e um empate nas últimas rodadas da fase de grupos. E se o torcedor está desacreditado, cabe aos jogadores seguir em busca da recuperação. Nesta quarta-feira (2), a partir das 21h30, o Colorado recebe o Boca Juniors pelo duelo de ida das oitavas de final do torneio continental.

CONTEÚDO ABERTO | Leia todos os conteúdos sobre coronavírus

Para o artilheiro Thiago Galhardo, a partida contra os argentinos pode ser o momento da virada. "Temos que assumir os nossos erros. Mas quando está há cinco jogos sem marcar, cabe a mim ver que não consigo fazer o que estava fazendo. Tem que procurar o equilíbrio para não ficar na euforia da vitória ou ficar cabisbaixo num erro. O próximo jogo é contra o Boca, que pode ser a chave da virada", projetou.

O técnico Abel Braga segue infectado e não poderá comandar a equipe da beira do gramado. Além dele, o volante Edenilson, o zagueiro Matheus Jussa e o atacante Caio Vidal testaram positivo e também ficam em isolamento. Rodinei e Cuesta estão suspensos, enquanto Johnny está machucado.

Para Galhardo, Abel Braga precisa de tempo para trabalhar. "A queda de rendimento é o grupo todo. Todo trabalho demanda tempo. Vocês querem que o Abel chegue e, em menos de um mês, com um jogo a cada três dias, coloque o que pensa?", questionou o jogador.

O Inter quer abrir vantagem no Beira-Rio. O segundo jogo, na próxima quarta-feira (9), será na Bombonera.

O jogo

Quarta-feira (2) / 21h30 / Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre.

Árbitro: Esteban Ostojich, auxiliado por Richard Trinidad e Carlos Barreiro. Transmissão: Conmebol TV.

Inter

Marcelo Lomba; Heitor, Rodrigo Moledo, Zé Gabriel e Uendel; Rodrigo Dourado, Rodrigo Lindoso (Nonato), D'Alessandro e Patrick; Thiago Galhardo e Yuri Alberto (Mauricio).

Técnico: Leomir de Souza (interino).

Boca Juniors

Andrada; Buffarini, López, Izquierdoz e Fabra; Salvio (Villa), Campuzano, Capaldo e Cardona; Tévez e Soldano (Zambrano).

Técnico: Miguel Ángel Russo.

 

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.