Olá leitor, tudo bem?

Use os í­cones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, ví­deos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6423 (parada 63) - Monte Belo - Gravataí - CEP: 94050-000
Fones: (51) 3489-4000

Central do Assinante: (51) 3600.3636
Central de Vendas: (51) 3591.2020
Whatsapp: (51) 99101.0318
PUBLICIDADE
Política

Em Brasília, Marco Alba reforça mobilização por municípios na Reforma da Previdência

Prefeito Marco Alba participa na Capital Federal de mobilização pela inclusão dos Municípios na proposta de reforma da Previdência
10/07/2019 15:46 10/07/2019 17:45

Foto por: Divulgação/PMG
Descrição da foto: Marco Alba está em Brasília reforçando mobilização pela inclusão dos municípios na Reforma da Previdência

O prefeito Marco Alba participou na manhã desta quarta-feira, 10, no Auditório Nereu Ramos, na Câmara dos Deputados, em Brasília, de reunião para a mobilização municipalista pela inclusão dos entes municipais na Reforma da Previdência, Proposta de Emenda à Constituição-PEC 06/2019. O objetivo é encontrar um deputado federal que apresente um destaque para a inclusão dos municípios na proposta do governo federal.

“Não está fácil, porque os deputados estão de costas para os municípios, sob a alegação de que o destaque não passaria na votação”, afirmou o prefeito. Existe um acordo de todos os líderes a favor de não assinar o destaque, pelo menos até esse momento. Atualmente, a Prefeitura destina R$ 2,3 milhões ao mês para cobrir o déficit da Previdência. Ano que vem, serão aproximados R$ 2,7 milhões mensais. “É dinheiro destinado para cobrir um rombo causado por distorções na atual legislação, sem idade mínima, sem teto, e que fazem falta no serviço final ao cidadão”, reforça o prefeito.

“O interesse dos municípios e do povo brasileiro que se dane, é o que se pode depreender com esse comportamento do Congresso Nacional”, pondera Marco Alba. “É este o novo pacto federativo que o Congresso pretende, alijando os municípios e esquecendo-se da representação dos entes federados que seus mandatos preveem?”

PRESIDENTE DO SENADO GARANTE APOIO – No início da tarde, o prefeito Marco Alba integrou a comitiva de municipalistas que foi recebida na residência oficial do presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), liderados pelo presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Glademir Aroldi. Também esteve presente o ex-presidente da Federação das Associações de Municípios do Rio Grande do Sul (Famurs) e prefeito de Garibaldi, Antônio Cettolin.

“Fomos muito bem recebidos pelo presidente Alcolumbre, e ele nos garantiu que o Senado vai fazer a sua parte, ou seja, incluir os Estados e Municípios na proposta de reforma da Previdência”, disse o prefeito. “A Câmara dos Deputados se acovardou, está legislando de forma covarde em benefício das minorias privilegiadas, contra os interesses do povo brasileiro.”

Em abril, durante a solenidade de abertura da 22ª Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, evento conhecido como Marcha dos Prefeitos, o presidente do Senado já havia dito que “o Senado Federal não irá abster-se de uma responsabilidade como Casa da Federação, na luta pelo fortalecimento não só dos estados, mas também das cidades, que compõem a nossa nação”.

Correio de Gravataí
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE