Olá leitor, tudo bem?

Use os í­cones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, ví­deos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6423 (parada 63) - Monte Belo - Gravataí - CEP: 94050-000
Fones: (51) 3489-4000

Central do Assinante: (51) 3600.3636
Central de Vendas: (51) 3591.2020
Whatsapp: (51) 99101.0318
PUBLICIDADE
Trânsito

PRF instala contadores de veículos em vários pontos da BR-116

Segundo a Polícia, medida é para coletar informações sobre movimentação na rodovia e não tem objetivo de multar motoristas
25/04/2019 03:00 25/04/2019 06:51

Foto por: Diego da Rosa/ GES
Descrição da foto: BR-116: aparelho fica perto de atacado em Sapucaia do Sul
Eles têm a altura dos radares fixos, estão posicionados às margens da BR-116, no mesmo local em que controladores de velocidade poderiam ser colocados, e sua aparência lembra os pardais. Apesar de toda essa semelhança e da desconfiança dos motoristas que trafegam pela rodovia federal, os equipamentos que estão instalados em três pontos da BR-116, em Canoas, Sapucaia do Sul e Novo Hamburgo, são contadores de fluxo, e não emitem multas. A informação é da Polícia Rodoviária Federal (PRF), que está instalando os equipamentos para descobrir o número de veículos que trafega pela rodovia em cada ponto.

Foto por: Juarez Machado/GES
Descrição da foto: Na BR-116: equipamento está instalado no Rincão
"Esses contadores já existem em vários locais, estão na BR-290, na BR-101. Em todo o Brasil eles são empregados para estimativas de movimentos. Não é uma novidade aqui, apenas demorou um pouco para ser instalado", afirma Cássio Garcez, da comunicação social da PRF.

Segundo ele, hoje a PRF não tem como estimar o número de veículos que usa a rodovia, justamente porque não há equipamentos que contem o fluxo sob controle da PRF. Com essas informações, a polícia poderá se preparar de forma mais efetiva para operações em datas especiais, como feriados, além de acompanhar o movimento em horários críticos. A previsão da PRF é de que os equipamentos comecem a operar até o final do mês nos três pontos da rodovia.

Correio de Gravataí
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE