Olá leitor, tudo bem?

Use os í­cones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, ví­deos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6423 (parada 63) - Monte Belo - Gravataí - CEP: 94050-000
Fones: (51) 3489-4000

Central do Assinante: (51) 3600.3636
Central de Vendas: (51) 3591.2020
Whatsapp: (51) 99101.0318
PUBLICIDADE
Libertadores

Grêmio vai ao Paraguai para o jogo da vida

Tricolor enfrenta o Libertad nesta terça-feira, às 19h15, pela Libertadores
21/04/2019 20:04 22/04/2019 11:01

Foto por: Lucas Uebel/Grêmio
Descrição da foto: CT LUIZ CARVALHO: antes de viajar, equipe treinou ontem
Após a conquista do título gaúcho, o Grêmio está com foco total na recuperação na Libertadores. Na tarde deste domingo, o Tricolor chegou em Luque, cidade próxima a Assunção, capital do Paraguai, onde enfrenta nesta terça-feira, às 19h15, o Libertad, líder do Grupo H, com 12 pontos. Aos comandados de Renato Portaluppi só a vitória interessa para se manterem vivos em busca da classificação às oitavas de final dependendo apenas de si, pois na última rodada da fase vai receber a Universidad Católica, na Arena.

Antes do embarque, a equipe gaúcha treinou no CT Luiz Carvalho, onde Renato encaminhou o time que enfrenta os paraguaios. A tendência é que seja o mesmo grupo titular que entrou em campo nos Gre-Nais decisivos do Gauchão, tendo assim: Paulo Victor; Leonardo Gomes, Geromel, Kannemann e Cortez; Matheus Henrique, Maicon, Jean Pyerre, Alisson e Everton; André. Nesta segunda-feira, às 15h30, no campo da Conmebol, o Tricolor faz o último treino antes do duelo. No fim de semana, o adversário poupou seus titulares no campeonato paraguaio e deve ter força máxima diante do Grêmio.

NA CHEGADA

A viagem até solo paraguaio durou cerca de uma hora e meia em voo fretado. Na chegada, o lateral-esquerdo Bruno Cortez concedeu entrevista coletiva e projetou a partida. "Precisamos jogar mais do que jogamos no Gre-Nal. Precisamos muito da vitória, temos consciência disso. O Renato ainda vai passar os detalhes da parte tática, mas já vimos que o Libertad é um time muito qualificado", afirmou.

Correio de Gravataí
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE