Olá leitor, tudo bem?

Use os í­cones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, ví­deos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6423 (parada 63) - Monte Belo - Gravataí - CEP: 94050-000
Fones: (51) 3489-4000

Central do Assinante: (51) 3600.3636
Central de Vendas: (51) 3591.2020
Whatsapp: (51) 99101.0318
PUBLICIDADE
Colorado

Hellmann agradece apoio da torcida e projeta 2019

Técnico do Inter deve mandar a campo um time reserva neste domingo contra o Paraná, na Vila Capanema
01/12/2018 11:57 01/12/2018 11:58

Foto por:
Descrição da foto:
Apesar de ainda não ter tido o seu contrato renovado, o que deve ocorrer após a eleição presidencial do Inter no dia 8 de dezembro, o técnico Odair Hellmann já projeta 2019. Em entrevista coletiva após o treino da manhã desta sexta-feira, que indicou um time praticamente todo reserva para enfrentar o Paraná neste domingo, o treinador colorado disse que pretende contar com um grupo maior de jogadores na próxima temporada. Hellmann também comemorou o desempenho alcançado pela equipe no Brasileirão que se encerra neste domingo.

"Primeiro, preciso dizer que temos que respeitar a eleição do dia 8. Claro que tivemos conversas e encaminhamento de situações, mas há o pleito e temos que respeitar a decisão das urnas", afirmou Hellmann. Em seguida, falou sobre a formação do elenco para 2019. "Buscaremos agregar garotos da base. Precisaremos de um grupo grande, porque são muitos jogos. São 16 dias de pré-temporada, o que não é o ideal. O número será importante, e será importante também a qualificação desde o início. Quanto mais jogadores pudermos agregar, melhor para ter o grupo ainda mais forte."

Hellmann ainda destacou a temporada colorada, com a terceira colocação no Brasileirão. "Agradeço o torcedor pelo apoio. Fizemos essa parceria fortíssima novamente no Beira-Rio. Nosso ano foi motivo de orgulho. Lutamos, nos dedicamos, trabalhamos muito e fechar o ano como treinador do Internacional é uma satisfação."

 


Correio de Gravataí
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE