Olá leitor, tudo bem?

Use os í­cones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, ví­deos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6423 (parada 63) - Monte Belo - Gravataí - CEP: 94050-000
Fones: (51) 3489-4000

Central do Assinante: (51) 3600.3636
Central de Vendas: (51) 3591.2020
Whatsapp: (51) 99101.0318
PUBLICIDADE
Resgatando os estudos

Ensino Fundamental de Gravataí oferece oportunidade para reduzir defasagem

Projeto "Aceleração de Estudos" conta com a participação de nove escolas
14/05/2018 12:01 14/05/2018 12:01


PMG/Divulgação
Escola de Ensino Fundamental Profª Olenca Valente é uma das instituições que participam do "Aceleração de Estudos"
Estudantes de nove escolas da Rede Municipal de Ensino de Gravataí que apresentam defasagem idade-série de no mínimo dois anos contam com um incentivo para mudar essa realidade. Trata-se do projeto “Aceleração de Estudos”, iniciativa da Prefeitura, através da Assessoria Pedagógica da Secretaria Municipal da Educação (SMED), direcionada a alunos das séries finais do Ensino Fundamental (6ª e 8ª).

“O projeto visa a aceleração de estudos e a superação das dificuldades de aprendizagem, bem como a construção de competências e habilidades necessárias para o desenvolvimento pessoal e cognitivo do educando e o resgate da sua autoestima, por meio de aprendizagens significativas e de metodologias que contribuam para este avanço”, explica a assessora pedagógica da SMED, Nayala Ramos.

O projeto começou no município em 2001 e, durante todo este ano, serão feitas intervenções por parte da equipe do projeto, auxiliando na problemática da defasagem, na recuperação dos estudos e no avanço para as séries posteriores. “Isso acaba incentivando o aluno a perceber a escola como um ambiente de crescimento, avanço e preparação para o futuro”, ressalta a secretária da Educação, Sonia Oliveira.

As escolas

Neste ano, participam da “Aceleração de Estudos” as seguintes escolas: EMEF Alberto Pasqualini, EMEF Augusto Longoni, EMEF Bárbara Maix, EMEF Breno Jardim Garcia, EMEF Érico Verissimo, EMEF Jerônimo Timoteo da Fonseca, EMEF Osório Ramos Corrêa, EMEF Profª Olenca Valente e EMEF Vila Neópolis.
A Assessoria Pedagógica da SMED acompanha e orienta as escolas em suas ações e em encontros de formações, promovidos pelas instituições de ensino a cada dois meses. “Acompanhamos as escolas in loco”, destaca Nayala. Neste ano, a primeira formação aconteceu no mês de março. A segunda, no último dia 10.

Expectativa

Em 2015, ano do último levantamento feito pelo movimento Todos Pela Educação com relação à defasagem escolar, o índice de alunos do Ensino Fundamental era de 21,9% - considerando-se todo o país. Uma pesquisa de 2016 da Secretaria de Educação do RS revela que a taxa de reprovação na rede municipal em Gravataí era de 13,2%.

Para Nayala, centenas de estudantes colocarão os estudos em dia. “Para este ano temos a expectativa de resgatar 325 alunos em situação de defasagem escolar.”


Correio de Gravataí
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE