Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6423 (parada 63) - Monte Belo - Gravataí - CEP: 94050-000
Fones: (51) 3489-4000

Central do Assinante: (51) 3600.3636
Central de Vendas: (51) 3591.2020
Whatsapp: (51) 99101.0318
PUBLICIDADE
Polícia

Mulher de líder satânico é solta

Ela tinha sido presa no templo, na manhã desta sexta, por furto de energia
12/01/2018 21:20 12/01/2018 21:44

Paulo Pires/GES
Polícia Civil esteve no templo satânico na manhã desta sexta-feira (12)
Presa no templo satânico de Gravataí na manhã desta sexta-feira (12) por furto de energia elétrica, Aline Mello, 28 anos, acabou sendo solta por volta das 20 horas. Ela é esposa do líder da seita, Silvio Fernandes Rodrigues, 44, preso por sacrificar duas crianças para ritual de prosperidade que teria sido encomendado pelo hamburguense Jair da Silva, o Jair dos Porcos, 47.

“Quando não tem carrapato, o cachorro vai nas pulgas”, destacou o advogado Marco Meija, que fez o pedido de liberdade, logo após a soltura da cliente. A metáfora, segundo o defensor, é para dizer que ao não ter provas contra o satanista no caso das crianças esquartejadas, a Polícia busca outros alvos.

“Chamaram, ela abriu a porta e, ao verem que tem um ‘gato’, a algemaram. Imagina se a Polícia fizesse isso para todo mundo que tem desvio de energia? A ideia é desmoralizar.” Para ele, não caberia a prisão de Aline. “Ela estava lá. Poderia ser qualquer pessoa. Se fosse deter alguém, teria que ser o dono da propriedade ou quem alugou.” A área está locada por "Mestre Silvio".


Correio de Gravataí
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE