Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6423 (parada 63) - Monte Belo - Gravataí - CEP: 94050-000
Fones: (51) 3489-4000

Central do Assinante: (51) 3600.3636
Central de Vendas: (51) 3591.2020
Whatsapp: (51) 99101.0318
PUBLICIDADE
Segurança pública

Polícia Civil e Susepe recebem armas para reforçar combate ao crime

Investimento foi de 766,7 mil reais
22/11/2017 10:46 22/11/2017 10:51

  • Polícia Civil recebeu 79 carabinas, calibre 5.56
    Foto: Caroline Paiva/Susepe
  • Susepe recebeu 16 carabinas que serão utilizadas pelos servidores do Departamento de Segurança e Execução Penal (DSEP) e Divisão de Segurança e Escolta
    Foto: Caroline Paiva/Susepe
O governo do Estado entregou, nesta terça-feira (21), nova remessa de armamento à Polícia Civil e à Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe). A entrega ocorreu no Palácio Piratini, na capital. O investimento foi de 766,7 mil reais.

O ato teve a participação do governador José Ivo Sartori e do secretário da Segurança Pública (SSP), Cezar Schirmer. Sartori destacou que a segurança pública é uma das prioridades do governo. 

Armamento

A Polícia Civil recebeu 79 carabinas, calibre 5.56. Destas, 41 foram adquiridas com recursos estaduais (R$ 319,8 mil), 36 com recursos federais (R$ 307,8 mil) e duas em convênio com o Judiciário, por meio das comarcas de Bagé e Encantado (R$ 17,1 mil). As carabinas serão destinadas ao Departamento de Investigações do Narcotráfico (Denarc) e Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic), Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Departamento de Polícia Metropolitana (DPM) e Departamento de Polícia do Interior (DPI).

Foram repassadas à Susepe 16 carabinas, calibre 5.56, e 8 mil munições calibre 5.56. O investimento é de R$ 122 mil, oriundo de repasse do Fundo Penitenciário Nacional (Funpen). O material será utilizado pela Divisão de Segurança e Escolta (DSE), pelo Grupo de Ações Especiais (Gaes) e por servidores lotados na Penitenciária de Alta Segurança de Charqueadas (Pasc).

Investimento em armas

Ao todo, 1.117 armas foram repassadas às instituições vinculadas à SSP desde o início do atual governo. Isso representa investimento de R$ 4 milhões, entre recursos do Estado, investimentos federais, emendas da bancada gaúcha e convênios com o Poder Judiciário.


Correio de Gravataí
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE